Mesmo ainda tão complicado, o mundo caminha para erradicar a pobreza extrema – politicas.info
Mundo

Mesmo ainda tão complicado, o mundo caminha para erradicar a pobreza extrema

Até 2030, a ONU quer que o mundo erradique a extrema pobreza

Foto: Kasun Chamara / Pixabay

Em 1820, de acordo com levantamento do Our World in Data, nada menos do que 94,4% da população mundial sobrevivia com menos de dois dólares por dia. Para 83,9%, essa realidade era duas vezes mais complicada: não ganhavam nem um dólar completo.

Um século depois, mais precisamente quando a Bolsa de NY quebrou, a faixa da população que vivia na extrema pobreza havia caído para 75,9%. Uma mudança mais significativa só seria observada na segunda metade do século XX, em especial com o final da Guerra Fria, quando essa fatia já havia sido reduzida para menos da metade.

O terceiro milênio começou com um quarto dos seres humanos em tão degradante situação. Mas, em queda acentuada, o ano de 2015 já se concluiria com “apenas” 9,6% da humanidade vivendo com menos de US$ 1,90 por dia.

A ONU tem por meta erradicar a pobreza extrema até o ano de 2030. Mas o corte da organização é mais exigente: US$ 1,25/dia. De qualquer forma, o gráfico da Human Progress deixa a esperança de que o objetivo seja atingido até antes disso.

Fonte: Human Progress

Clique para comentar

Envie-nos uma pauta, esclareça sua dúvida ou corrija/acrescente informações:

Para o Início