Quase 40% dos petistas de São Paulo não descartam voto em Doria para presidente da República – politicas.info
Brasil

Quase 40% dos petistas de São Paulo não descartam voto em Doria para presidente da República

Mas 69% dos eleitores de Fernando Haddad fazem questão que o tucano conclua o mandato como prefeito

Foto: Rovena Rosa

A recente pesquisa Datafolha não só mediu a popularidade de João Doria, como trouxe muitos dados curiosos sobre a relação dos petistas de São Paulo com o prefeito da capital. Se 34% qualificaram de ruim ou péssima a gestão do tucano nestes cem primeiros dias, uma considerável parcela de 24% a tomou por boa ou ótima. Entre os eleitores de Fernando Haddad, a fatia cresce para 28%.

Com 22%, o total de petistas que vê melhoras na cidade neste período supera em 3% o que vê pioras. Mas as respostas mais interessantes saltam da especulação sobre uma possível candidatura presidencial do tucano. Porque 55% dos esquerdistas defendem que Doria conclua o mandato como prefeito, número que sobe para 69% entre os eleitores de Haddad. Mas 38% não descartam a possibilidade de apoiar uma ida do prefeito ao Palácio do Planalto, com 14% garantindo-lhe voto. Quando a alternativa é o governo do Estado, apenas metade dos entrevistados dizem não à ideia, com 48% demonstrando alguma simpatia, ou mesmo entusiasmo.

Doria tem acertado naquilo que o governo Temer mais erra: o diálogo com a opinião pública. Se é cedo para afirmar que daria um bom presidente da República, é possível apostar que ao menos se comunicaria melhor que o atual. Afinal, até parcela considerável do petismo está sendo positivamente afetada por seu trabalho.

Fonte: Datafolha

Clique para comentar

Envie-nos uma pauta, esclareça sua dúvida ou corrija/acrescente informações:

Para o Início