Enquanto tentava evitar o afastamento, o governo Dilma dobrou os gastos com publicidade – politicas.info
Brasil

Enquanto tentava evitar o afastamento, o governo Dilma dobrou os gastos com publicidade

Dilma Rousseff, candidata a Presidência da República, com o companheiro de chapa Michel Temer.

Mesmo em recessão, o governo federal ampliou em 65% os gatos com publicidade no início em 2016

13.10.2010 - Imagem por: Agência Brasil

Ao todo, o governo federal ampliou em 65% os gastos com publicidade no primeiro semestre de 2016. Sob os cuidados de dois presidentes, contudo, os picos seriam observados pela ONG Contas Abertas no último mês da gestão anterior, e no primeiro mês da atual.

Numericamente, Michel Temer ainda como interino, com R$ 82,1 milhões, gastou em junho mais do que os R$ 79,9 milhões de Dilma Rousseff em abril. Mas a petista ampliou em 98% o investimento em propaganda em relação a igual período de 2015, enquanto o peemedebista, em 50%. Tudo isso já com a certeza de que seria derrotada no processo de impeachment.

No total, nada menos do que R$ 386,5 milhões foram consumidos. A maior parte do volume destinou-se a campanhas de utilidades pública. Quase 30% foram utilizados na divulgação de atos, obras e programas do governo. A metade disso serviu para a publicação de avisos, balanços e relatórios. E apenas 2% foram gastos com finalidades mercadológicas.

A ONG especulou que o aumento da verba já mirava a eleição de 2018, quando a média dos investimentos em propaganda nos anos anteriores interferirá na definição do teto do ano eleitoral.

De qualquer forma, seria interessante a Justiça conferir o destino de tanta grana.

Fonte: Contas Abertas

Clique para comentar

Envie-nos uma pauta, esclareça sua dúvida ou corrija/acrescente informações:

Liberdade, Capitalismo & Democracia.

Copyright © 2015 - ÁpyusCom

Para o Início