Carne Fraca: Aécio sugeriu a Joesley pressionar a imprensa como “o maior” anunciante do país – politicas.info
Brasil

Carne Fraca: Aécio sugeriu a Joesley pressionar a imprensa como “o maior” anunciante do país

Aécio Neves

Senador tucano sugeriu à JBS usar a condição de maior anunciante do país contra a cobertura da operação Carne Fraca

Foto: PSDB

Os grampos capturados por Joesley Batista à PGR entregam muito mais do que o destacado pela imprensa em suas manchetes. E tamanho silêncio sobre passagens tão gritantes é, no mínimo, suspeito.

Nas conversa “nada republicana” registrada entre o delator e Aécio Neves, por exemplo, fica evidente a “operação abafa” tramada pela JBS contra a operação Carne Fraca, aquela que contou com ampla cobertura da mídia em seu primeiro dia de vida, mas passaria a ser bombardeada pelo noticiário já na manhã seguinte.

O registro em áudio começa com Joesley, em uso despudorado de palavrões, fazendo pouco do nome da operação:

“Que porra de Carne é fraca? Desde a Bíblia essa gente sabe que a carne é fraca!”

A dupla de conspiradores concorda que a operação seria apenas o exemplo mais claro de que a Polícia Federal exagerava no combate à corrupção. Aécio não é menos comedido, e especula sobre supostas atividades lucrativas de ordem sexual da parte da mãe do delegado:

“Filho da puta!”

Em meio ao papo, uma das inserções da JBS na gestão da crise surge na TV. É quando ambos param, se gabam do material produzido, e Josley entrega que seria a postura da organização contra o furacão que paralisava no mar por volta de 2 mil containers do grupo.

Senador e empresário veem na Carne Fraca uma oportunidade para atacarem a Lava Jato e tantas outras operações da PF. E caminharem não só com o projeto contra abuso de autoridade, mas também a anistia ao caixa dois. Aécio chega a confessar que não vive para outra missão.

Aos 18 minutos e 10 segundos, o trecho que mais interessa à opinião pública: Aécio diz a Joesley que a imprensa não pode cobrir os acontecimentos endossando o discurso dos investigadores. E lembra que o investigado é o “mais poderoso anunciante do Brasil”, no que conta com a concordância deste:

AÉCIO NEVES
Esses caras não podem fazer essa loucura que estão fazendo. [inaudível] Você é o mais poderoso anunciante do Brasil.

JOESLEY BATISTA
Hoje eu sou. O maior.

Coincidência ou não, após aquele encontro, o “jogo virou”, a imprensa começou a bater incansavelmente na Carne Fraca até que a operação fosse convertida em carne moída. Não sem antes veicular um raro e gigantesco volume de peças publicitárias dos investigados.

Agro é tudo.

Fonte: InfoMoney

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Seria de bom tom a Globo deixar de exibir anúncios da JBS ao defender a versão do delator – politicas.info

Envie-nos uma pauta, esclareça sua dúvida ou corrija/acrescente informações:

Mais Lidas

Liberdade, Capitalismo & Democracia.

Copyright © 2015 - ÁpyusCom

Para o Início