Logo após o impeachment de Dilma, o PT se arrependeu de não ter aparelhado as Forças Armadas – politicas.info
Acervo

Logo após o impeachment de Dilma, o PT se arrependeu de não ter aparelhado as Forças Armadas

Com a queda de Dilma, o PT lamentou não ter interferido – ainda mais – na PF, no MPF, no exército e na imprensa

Screenshot: YouTube

A “Resolução Sobre Conjuntura” foi o primeiro texto trazido a público pelo PT após o afastamento de Dilma Rousseff. Fruto da reunião do diretório nacional do partido realizada em 17 de maio de 2016, apresentou um raro “mea culpa”, ainda que encharcado da mesma passivo-agressividade que marcara a ascensão e queda da sigla.

Ao final da quarta página, é possível acompanhar uma lista de arrependimentos tenebrosos. Nela, o PT lamenta não ter interferido – ainda mais – nos trabalhos da Polícia Federal, do Ministério Público e da grande imprensa. Arrepende-se também de não ter aparelhado o exército de forma que a instituição pudesse ter sido utilizada contra o impeachment. Tudo, claro, dentro de uma narrativa certeira para que a militância defendesse tanta bizarrice sem culpa.

“Fomos igualmente descuidados com a necessidade de reformar o Estado, o que implicaria impedir a sabotagem conservadora nas estruturas de mando da Polícia Federal e do Ministério Público Federal; modificar os currículos das academias militares; promover oficiais com compromisso democrático e nacionalista; fortalecer a ala mais avançada do Itamaraty e redimensionar sensivelmente a distribuição de verbas publicitárias para os monopólios da informação.”

Na ocasião, a resolução irritou o exército e, segundo o general Eduardo Villas Boas, findou plantando um considerável antipetismo dentro das Forças Armadas.

Fonte: Partido dos Trabalhadores

2 Comentários

2 Comentários

  1. Pingback: Comandante do Exército confirmou: a gestão Dilma quis usar os militares contra o impeachment – politicas.info

  2. Pingback: Sem qualquer cerimônia, Lula promete atacar a imprensa caso volte a presidir do Brasil – politicas.info

Envie-nos uma pauta, esclareça sua dúvida ou corrija/acrescente informações:

Mais Lidas

Para o Início